15
JUN
2017

Corpus Christi: Pai misericordioso, nós vos pedimos pelo Brasil!

100 tapetes,  aproximadamente, começaram a ser confeccionados na manhã do dia 15 de junho, ao longo da Avenida Amaral Peixoto, cobrindo 550 dos 1000 metros de extensão da via.

Na celebração de Corpus Christi, no município de Niterói, à tarde, milhares de fiéis, tomaram a Avenida Amaral Peixoto, no Centro da cidade, para participar da Santa Missa, que aconteceu em frente à Câmara Municipal.

Sob a presidência do Arcebispo de Niterói, Dom José Francisco, a missa foi concelebrada pelo Arcebispo emérito, Dom Frei Alano, o Vigário Geral, Padre Carmine, padres e diáconos permanentes do Vicariato Niterói.

Ao final da celebração, com o Santíssimo exposto, Dom José Francisco, assim como no município de São Gonçalo, atendeu ao pedido da CNBB, e rezou pelo Brasil e pelo Estado do Rio de Janeiro.

Disse ele: “Diante do grave momento vivido por nosso país, dirijamos nossa oração a Deus, para que dê a paz ao Brasil e ao mundo inteiro. ‘Reconhecemos a necessidade de rezar constantemente pela paz, porque a oração protege o mundo e o ilumina. A paz é o nome de Deus’ (Papa Francisco).

Pai misericordioso, nós vos pedimos pelo Brasil!

Vivemos um momento triste, marcado por injustiças e violência. Necessitamos muito do vosso amor misericordioso, que nunca se cansa de perdoar, para nos ajudar a construir a justiça e a paz, em nosso país.

Pai misericordioso, nós vos pedimos pelo Brasil!

Estamos indignados, diante de tanta corrupção e violência, que espalham morte e insegurança. Pedimos perdão e conversão. Cremos no vosso amor misericordioso, que nos ajuda a vencer as causas dos graves problemas do País: injustiça e desigualdade, ambição de poder e ganância, exploração e desprezo pela vida humana.

Pai misericordioso, nós vos pedimos pelo Brasil!

Ajudai-nos a construir um país justo e fraterno. Que todos estejam atentos às necessidades das pessoas mais fragilizadas e indefesas! Que o diálogo e o respeito vençam o ódio e os conflitos! Que as barreiras sejam superadas por meio do encontro e da reconciliação! Que a política esteja, de fato, a serviço da pessoa e da sociedade, e não dos interesses pessoais, partidários e de grupos!

Pai misericordioso, nós vos pedimos pelo Brasil!

Vosso Filho, Jesus, nos ensinou: ‘Pedi e recebereis’. Por isso, nós vos pedimos confiantes: fazei que nós, brasileiros e brasileiras, sejamos artesãos da paz, iluminados pela Palavra e alimentados pela Eucaristia.

Pai misericordioso, nós vos pedimos pelo Brasil!

Vosso filho Jesus está no meio de nós, no Santíssimo Sacramento, trazendo-nos esperança e força para caminhar. A comunhão eucarística seja fonte de comunhão fraterna e de paz, em nossas comunidades, nas famílias e nas ruas. Seguindo o exemplo de Maria, queremos permanecer unidos a Jesus Cristo, que convosco vive, na unidade do Espírito Santo. Amém!”

Ao final da oração, depois de rezado um Pai Nosso,  uma Ave- Maria e um Glória ao Pai, teve início a procissão, que seguiu até o final da Avenida Amaral Peixoto, onde o Arcebispo abençoou a todos com o Santíssimo Sacramento.

Texto e foto: João Dias